3 Exemplos de mercado que comprovam a eficácia da Cloud Computing

Quando disseram a São Tomé que Jesus havia voltado, o santo se recusou acreditar até ver, de fato, o Cristo de pé diante de si. Respeitadas as escalas e as situações, algumas vezes, ver é a única forma de crer no potencial do cloud computing.

Já demos algumas dicas aqui sobre como fazer seu gestor investir na computação em nuvem, mas hoje vamos além, vamos mostrar exemplos de empresas que acreditaram na tecnologia e viram seus resultados escalarem de maneira extremamente positiva.

Assim, confira abaixo 3 exemplos de mercado que comprovam a eficácia da Cloud Computing.

Universidade de Pretoria, aliando necessidade à inovação

A Universidade de Pretoria, na África do Sul, tinha um problema sério: grupos de pesquisa não eram capazes de utilizar os computadores e a infraestrutura da Universidade sem enfrentarem alta demanda e pouco poder computacional.

O grupo de pesquisa local, chamado Computacional Inteligence Research Group, ou CIRG, trabalhava no desenvolvimento de tecnologias que fossem associadas à Inteligência Artificial em softwares (usando algoritmos criados por eles).

Com os anos de estudo e projetos desenvolvidos, foi criada uma biblioteca de informações em Java composta de vários blocos e unidades.

Foram aí que surgiram alguns problemas, como:

  • Alta demanda pelos estudantes e professores;
  • Diferentes necessidades por cada usuário da rede;
  • Pedidos com variados graus de complexidade de informação;
  • Longo tempo de adaptação entre um algoritmo rodado e o seguinte.

Qual foi a solução final? Cloud computing.

As principais tarefas paralelas de gerenciamento de dados e informações foi passada para a nuvem, em um sistema chamado Hadoop.

Com a delegação da informação e processamento bruto na nuvem, o sistema do CIRG fica mais leve e mais computadores podem rodar juntos. Ou seja, as workstations foram otimizadas.

Foi possível, à partir daí, reservar o tempo de processamento necessário, a capacidade, bem como agendar quais processos seriam utilizados e como. Sem mais filas de uso!

As diferentes necessidades são adaptadas dentro da nuvem, que roda várias versões de um mesmo software e aloca os recursos usados por cada um de maneira dinâmica e inteligente.

Os experimentos ficaram mais rápidos, pela terceirização do poder de computação, e mais ágeis, as pesquisas agora andam a passos largos.

O CIRG pode focar nos estudos, e não em questões técnicas e administrativa do centro computacional. Mais tempo desenvolvendo algoritmos, menos tempo gasto com questões técnicas.

Wuxi, quando todo mundo tem chance de crescer

Outra interessante adoção de cloud computing foi na cidade de Wuxi, a 190 quilômetros de Shangai. Ali, o governo criou uma cidade-polo/centro tecnológico onde várias empresas e startups poderiam se desenvolver melhor, criando um ambiente dinâmico e favorável.

O grande problema era que, enquanto muitas das empresas grandes tinham verbas para crescerem por conta própria e se desenvolverem de fato, as startups não conseguiam aumentar sua infraestrutura para dar conta das demandas de processamento adequadas.

Vendo isso, o governo chinês decidiu auxiliar essas startups criando um grande centro de cloud computing em parceria com a IBM para impulsionar essas proto-empresas.

Os computadores tinham como sistema base o Linux e têm um largo conjunto de ferramentas de teste e desenvolvimento. Ficou tudo na mão das startups.

Agência Espacial Europeia, informação para todos

Um case interessante dos benefícios do cloud computing está com a Agência Espacial Europeia.

O grande desafio do centro, que monitora, controla e regula diversos satélites de estudo e comerciais ao redor do globo, era conseguir distribuir e processar as informações que chegavam através dos mais diversos usuários de sua plataforma.

O problema era que as informações que chegavam estavam na escala dos terabytes, vindo quase vinte e quatro horas por dia, e o sistema gastava boa parte do tempo e dos processadores alimentando o banco de dados.

Com isso, para os usuários requisitarem e utilizarem as informações acumuladas, levava-se muito tempo, e boa parte do tempo o sistema sobrecarregava.

Ao adotar o uso do cloud computing, a Agência Espacial Europeia começou a ter maior tranquilidade para lidar com a alta demanda e o grande volume de informações sem sobrecarregar seus servidores.

Isso fez com que conseguissem lidar com pedidos de até 50.000 usuários simultâneos, o equivalente à quase 30 terabytes de informação de uma tacada só.

Como é possível perceber, o cloud computing é a tecnologia que faz as empresas darem passos à frente, se quer saber melhor sobre os benefícios da tecnologia, clique aqui.

Se quer ter mais argumentos para convencer seu gestor a investir nessa tecnologia, clique aqui.

Mas se quer mesmo saber como a Mactec pode ajudar no crescimento da sua empresa, clique aqui.

Para mais dúvidas ou curiosidades assine nossa newsletter ou fale com um de nossos atendentes.

Publicado em Cloud Computing Marcado com: , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*